Avigal
Vall Companys
Avigal
Tudo sobre o frango


Tudo sobre o frango
CURIOSIDADES
> A domesticação do frango
A domesticação do frango
A domesticação ocorreu pelo menos há 7.400 anos a partir de um grupo da área natural dos frangos bankiva e que se difundiu em vagas tanto a leste como a oeste. Os primeiros vestígios arqueológicos indiscutidos de frangos domésticos correspondem a uns ossos de aproximadamente 5400 a.C. associados a uma descoberta em Chishan, na província chinesa de Hebei. Na região do Ganges, na Índia, os frangos bankiva eram usados pelos humanos há 7000 anos.

Em contrapartida, não foram identificados frangos domésticos mais antigos de 4000 anos no vale do Indo, embora ainda se discuta a antiguidade dos frangos encontrados nas escavações de Mohenjodaro.

É muito provável que os primeiros galos e galinhas tenham chegado a ocidente através do rota da seda. Aproximadamente em 2000 a. C. chegaram ao Médio Oriente. Em 1500 a. C., os frangos tinham chegado a Egipto. Em seguida, estenderam-se pelo Mediterrâneo, chegando a Grécia e Roma e foram levados pelos fenícios à remota Península Ibérica.

Neste momento, a carne e os ovos já eram consumidos, e além disso, utilizava-se como oferenda ritual nos cultos religiosos. Aproximadamente a partir de 600 a. C., os frangos foram levados para além dos Alpes e estenderam-se pelo resto da Europa.
> A pele do frango
A pele do frango
Ao tirar a pele do frango, elimina 130 calorias e 15 gramas de gordura por peito. Embora contenha vitaminas B e selénio, nutrientes que ajudam a proteger o nosso organismo do cancro, é aconselhável tirar a pele às peças.
> O voo das galinhas
O voo das galinhas
Ao contrário de outros primos afastados da família das aves, os frangos perderam a habilidade de voar. O recorde de voo de um frango é cerca de 13 segundos. Mais vale pouco do que nada.
> Para um frango perfeito
Amigos do frango
Ervas aromáticas: salsa, salva, alecrim, manjericão, loureiro, tomilho e manjerona.
Espécies: curry, paprika ou pimentão-doce, pimenta, açafrão, cominho e cravos-da-índia.
E com certeza, o limão é o melhor amigo do frango!

Repouso e salgação
Deixe repousar uns minutos o frango antes de o cortar e tempere-o antes de servir, para que o sabor não se perca e o frango não seque.

Conservação
Um frango cru não deverá permanecer mais de dois dias no frigorífico. Se estiver cozinhado, poderá guardá-lo durante três a quatro dias.

Congelação
Pode congelá-lo durante 3 meses no máximo; para o descongelar coloque-o no frigorífico na noite anterior antes de o cozinhar para que se descongele lentamente. Retire-o duas horas antes para o temperar e cozinhar uniformemente.

TIPOS DE PREPARAÇÃO
PARTES DO FRANGO